Voz das Comunidades faz alerta sobre a morte de inocentes com campanha da Wide

Comunicação traz o conceito "informação é a nossa munição"

Atuando em 15 favelas do Rio de Janeiro, com destaque para o Complexo do Alemão onde surgiu há 13 anos, o jornal Voz das Comunidades lançou essa semana uma campanha ilustrada com notícias, no mínimo, contraditórias.

 

Com o conceito informação é a nossa munição, as peças criadas pela agência Wide apresentam declarações em que o governador eleito Wilson Witzel defende o extermínio de bandidos nas favelas e, ao mesmo tempo, situações em que objetos foram confundiram com  armas.

 

A comunicação traz ainda dados do instituto de pesquisa Fogo Cruzado que mostram que o número de mortos no estado vem crescendo em confrontos com a presença da polícia.

 

O diretor de criação da Wide, Pedro Portugal, conta que a ideia surgiu da preocupação - e até do medo - que as falas do governador eleito causam em uma parcela significativa da população que vive nas favelas. Portugal explica que "como o Voz possui um trabalho jornalístico muito forte, a solução criativa foi simples: disponibilizar informação e deixar que as pessoas tirem suas próprias conclusões".

 

 

 

 

FICHA TÉCNICA

Cliente: Voz das Comunidades

Agência: Wide

Direção de Arte: Artur Bueno e Ulysses Moraes

Redação: Pedro Portugal

Direção de Criação: Pedro Portugal

Instituto de Pesquisa: Fogo Cruzado

Aprovação: Rene Silva e Renato Moura